Canção da Esperança

Foto de Francis Toussaint





É urgente que as rosas
deixem de ser
prisioneiras dos canteiros,
e subam no espaço
entornando
nas nossas cabeças
perfumes e pétalas
com aromas cheirando a mãos dadas.


É urgente que os pássaros
desçam dos céus,
e poisem nas crianças
gorgeando árias suaves
e ensinando-lhes futuros
que só eles sabem,
porque voam alto
como todos os pássaros livres.


É urgente que o arco-íris
com génio de pintor,
dispa algumas das sete cores
e tinja de azul celeste
ou de verde esperança
o cinzento preocupante
das armas apontadas
ao peito dos vencidos.


É urgente acreditar
que o mundo…ou a vida
pode um dia acordar
feita rio cristalino,
onde para além dos salgueiros,
veremos reflectida nas águas
a imagem fraterna
dos homens reconciliados!









(Orlando Fernandes in Alentejo…e Outros Poemas)

Comentários

Isa&Luis disse…
olá:)) gostei muito do poema, sentido e profundo.

Deixo-te um da primavera

A beleza de uma flor
anunciando A primavera!
O amor que floresce a cada segundo
fazendo do tempo uma quimera
como aromas de perfume
intenso e cálido
A sua candura é o renascer
da natureza.

Bom fim de semana

beijinhos

Isa
Lisa disse…
Lindo sábado com ternura pra ti...
Beijos na Carolzinha e outro para o lindo vozito ;)

Smacksssss...
wind disse…
Grande poema deste poeta que cada vez gosto mais:) E bonitas imagens que escolheste. beijos
lena disse…
Lumife um poema lindo "CANÇÃO DA ESPERANÇA" de um poeta que li pouco, desconhecia este "esperança"

partilhas sempre algo que admiro, vivo entre o mar e a poesia, encontro aqui sempre algo diferente e enquanto lia lembrei-ne de outra poeta que tabém soube escrever este "é urgente..."

deixo para ti querido amigo:


É urgente que as pessoas se amem

É urgente que as pessoas se amem
sem vergonha e sem tristeza
Que se amem com orgulho
Com a alegria pagã da joie grega

É urgente que as pessoas não se escondam
por detrás das outras pessoas
das ideias das outras pessoas
dos muros espessos do medo

É urgente que as pessoas se amem

É urgente partilhar o pão e o corpo
com a claridade da terra molhada
nas manhãs de sol

É urgente assumir a verdade

Manuela Amaral

deves conhecer certamente

beijinhos muitos para ti amigo e beijinhos doces à Carolina que deve estar um encanto

lena
Lisa disse…
Olá Lu...

Vim desejar uma semana super maravilhoso pra ti...

Te cuida...

Beijinhussss...

Mensagens populares deste blogue

ACORDANDO

ALDA GUERREIRO

ANRIQUE PAÇO D'ARCOS - UM POETA PORTUGUÊS...