domingo, outubro 21, 2007

As ondas

Foto de Marko Schimanski



As ondas quebravam uma a uma
Eu estava só com a areia e com a espuma
Do mar que cantava só para mim.



Sophia de Mello Breyner Andresen

3 comentários:

Kalinka disse...

OLÁ BEJA

Não sei mais o que sinto,
por tantos rumos o MAR me leva.
entre o frio beijo e o silêncio.

...tanta espera.

EXCELENTE...
A SEMPRE SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDERSEN - A ÚNICA.

Continuação de bom domingo.
Beijitos.

NOTA: se quiser espreitar, veja a letra G.
Continuo com o alfabeto.

Isabel-F. disse...

escrevia tão bem a Sophia.

Beijinhos e boa semana

jorge vicente disse...

e é como o mar em mim neste momento

um abraço
jorge